Pular para o conteúdo principal

COVID-19 / Governo do Piauí lança Pacto pela Retomada Organizada das Atividades Econômicas

O Governo do Estado lançou, nesta terça-feira (2), o Pacto pela Retomada Organizada (PRO Piauí) que tem como objetivo preparar o ambiente para a retomada segura das atividades econômicas
Wellington Dias, governador do Piauí (imagem meramente ilustrativa) / Google
O Governo do Estado lançou, nesta terça-feira (2), o Pacto pela Retomada Organizada (PRO Piauí) que tem como objetivo preparar o ambiente para a retomada segura das atividades econômicas. O plano busca ranquear os setores que devem ser priorizados no momento em que a situação epidemiológica do estado esteja controlada, considerando os seis pilares propostos pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

A proposta considera o retorno de forma gradual, segmentada e regionalizada como bases estratégicas. O critério econômico possuiu menor peso para a tomada de decisão relativa a flexibilização e os setores de atividade foram classificados em alto, médio e baixo impacto. Dessa forma, as primeiras atividades a serem liberadas são as de alto impacto e assim por diante. Os setores que estão no grupo de alto impacto são as indústrias de transformação, construção, comércio, agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura.

Os de médio impacto são a administração pública, defesa e seguridade social; atividades administrativas e serviços complementares; educação; saúde humana e serviços sociais; atividades financeiras, de seguros e serviços relacionados; transporte, armazenagem e correio; alojamento e alimentação; atividades profissionais, científicas e técnicas; informação e comunicação; outras atividades de serviços; atividades imobiliárias; eletricidade e gás. Já os de baixo impacto são os relativos a artes, cultura, esporte e recreação; indústrias extrativas; água, esgoto, atividades de gestão de resíduos e descontaminação; serviços domésticos; organismos internacionais e outras instituições extraterritoriais.

O próximo passo é o cruzamento das atividades econômicas com os protocolos do risco de saúde, a construção dos estágios de retomada das atividades e a finalização do Plano de Flexibilização, tendo como parâmetro os indicadores epidemiológicos e econômicos, obedecendo aos protocolos de risco de saúde relativo às atividades econômicas. “Todas as ações e estratégias executadas permitiram termos o resultado que temos hoje e não atingirmos uma situação de colapso na nossa rede hospitalar. O objetivo desse trabalho é subsidiar o comitê técnico científico de saúde na tomada de decisão relativa à flexibilização das atividades econômicas”, afirma o governador Wellington Dias.

Protocolo Geral de Recomendações Higiênico-sanitárias

O Governo do Estado do Piauí colocou em Consulta Pública a minuta do documento intitulado Protocolo Geral de Recomendações Higiênico-Sanitárias com Enfoque Ocupacional frente à Pandemia, com a finalidade de aprimorar o documento, por intermédio da coleta de contribuições da sociedade piauiense, subsidiando o governo neste processo de execução da retomada das suas atividades não essenciais.

“A discussão com os representantes de diversos setores é para abrir uma consulta pública e assim ajudar a melhorá-lo com sugestões e modificações, de modo que possamos ter um protocolo final, uma pactuação que possa atender a todos os setores da economia, trazendo um plano de segurança para os empregadores, trabalhadores e consumidores. O documento ficará em consulta pública até essa sexta-feira (5). No sábado (6), iremos fazer esse planejamento, para que, no dia 7, prazo que acaba o decreto, dialoguemos com os setores da economia público e privado”, explica o governador.

Os interessados poderão visualizar o referido documento e fazer suas contribuições através de formulário eletrônico que será disponibilizado nos portais do Governo do Estado.

FONTE: Governo do Estado do Piauí
EDIÇÃO: Eduardo Machado

Comentários

Postagens mais visitadas deste site.

Bolsonaro se encontra com Mão Santa em Parnaíba nesta sexta-feira (26)

O Presidente visitará a cidade de Tianguá, no Ceará, e o Aeroporto mais próximo é o de Parnaíba. Por Eduardo Machado, In Foco. / Colaboração: Arimatéa Carvalho, Portal Meio Norte. 18h19. Jair Bolsonaro e Mão Santa (foto tirada antes da pandemia) - Foto: Google. O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) vai se encontrar com o prefeito de Parnaíba, Mão Santa (DEM) na manhã desta sexta-feira (26) no aeroporto de Parnaíba. Bolsonaro irá a Tianguá (CE) e o aeroporto é o mais próximo e adequado para receber o avião presidencial. MATÉRIA RELACIONADA: Bolsonaro e Tarcísio de Freitas visitam Tianguá e outras cidades do Ceará nesta sexta (26). Bolsonaro avisou que pretende se encontrar com o amigo Mão Santa, que irá aproveitar para levar algumas demandas ao presidente na conversa. Bolsonaro desembarca em Parnaíba às 10h30, vai de helicóptero a Tianguá e depois retorna ao litoral do Piauí para a volta. Continua depois da publicidade. No Ceará, ele irá participar de solenidades que marcarão a reto

Mulher morre após ter atendimento negligenciado por médico do SAMU de Parnaíba

A paciente sentia fortes dores no peito, a família solicitou ambulância e teve pedido negado Por Eduardo Machado, In Foco. 18h39. Unidade do SAMU de Parnaíba. - Foto: Portal do Águia. Uma mulher identificada como Francisca Maria, de 37 anos de idade, morreu após sentir fortes dores no peito, na cidade de Parnaíba, no litoral do Piauí. O caso aconteceu na noite do último sábado (20), e a vítima residia no bairro São José. Francisca Maria (vítima). - Foto: TV Costa Norte. Segundo informações, os familiares, desesperados com o mal estar de Francisca, ligaram para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) solicitando uma ambulância para socorrê-la a um hospital da cidade, porém, depois de inúmeras solicitações por atendimento, o envio da ambulância foi negado pelo médico. Continua depois da publicidade. O Superintendente do SAMU de Parnaíba, Paulo 'Careca', se pronunciou sobre o assunto, lamentou a fatalidade, está dando suporte aos familiares da vítima e já adotou as medid

Com lockdown parcial, veja o que funciona neste fim de semana no Piauí

O governador Wellington Dias decretou medidas mais restritivas até o dia 04 de março, para conter o avanço da covid-19 Por Eduardo Machado, In Foco. / Colaboração: Thais Guimarães, GP1. 08h05. Centro de Parnaíba. - Foto: Google. Na última terça-feira (23) o governador Wellington Dias (PT) assinou decreto determinando novas medidas restritivas em todo o estado até o dia 04 de março, para conter o avanço da covid-19 (coronavírus). Com isso, neste final de semana haverá lockdown parcial em todo o Piauí. MATÉRIA RELACIONADA: Governo do Piauí decreta toque de recolher e lockdown aos finais de semana. De acordo com o decreto, a partir das 00h deste sábado (27) até as 5h da segunda-feira (28) poderão funcionar no estado apenas as atividades essenciais. O governador também decretou toque de recolher todos os dias até o fim do decreto. Assim, das 23h as 5h de cada dia, a pessoa que estiver fora de casa sem justificativa aceitável será autuada pela polícia e pela Vigilância Sanitária. Veja o que

Criança morre afogada após cair dentro de piscina no litoral do Piauí

Segundo o Instituto de Medicina Legal (IML), a família estava almoçando quando a criança conseguiu ir até a piscina, sem ser vista Por Eduardo Machado, In Foco. / Colaboração: Lucas Marreiros, G1 PI. 07h48. Hospital Municipal Nossa Senhora da Conceição, em Luís Correia — Foto: TV Clube Uma criança do sexo masculino, de dois anos de idade, morreu afogada após cair dentro de uma piscina em Luís Correia, litoral do Piauí, neste domingo (28). De acordo com o Instituto de Medicina Legal (IML), o menino e a família estavam em uma casa veraneio quando o acidente aconteceu. Segundo o auxiliar de necropsia Robson Castilho, a família comemorava um aniversário e estava almoçando, quando perdeu a criança de vista. “Quando deram pela falta, que foram procurar, encontraram já na piscina”, disse. A criança chegou a ser levada para o Hospital Municipal Nossa Senhora da Conceição, em Luís Correia, mas não resistiu e foi a óbito.

Polícia Militar reforça fiscalizações nas barreiras sanitárias no litoral do Piauí

As fiscalizações têm por objetivo apoiar a vigilância sanitária em cumprimento ao decreto estadual Por Eduardo Machado, In Foco. 14h30. Nas primeiras horas deste sábado (27), a Polícia Militar do Piauí intensificou o policiamento ostensivo no litoral do Piauí. A operação tem por objetivo apoiar a vigilância sanitária em cumprimento ao decreto estadual, que adotou medidas mais rígidas objetivando manter o isolamento social e impedir aglomerações. VEJA TAMBÉM: Prefeitura de Luís Correia determina fechamento de praias para excursões. Governo do Piauí decreta toque de recolher e lockdown aos finais de semana. Estão sendo feitas fiscalizações em ônibus de excursões com destino ao litoral, sendo proibido conforme decreto municipal de Luís Correia. Policiais Militares da Companhia Independente de Policiamento Turístico (CIPTur), durante este período irão realizar rondas ostensivas em geral, no Centro da cidade e na zona rural de Luís Correia, como também no município de Cajueiro da Praia, inc