Pular para o conteúdo principal

Decreto determina isolamento mais rígido em Teresina em todos os finais de semana de julho

O objetivo é melhorar os índices de isolamento social, evitando a disseminação da Covid-19

Vista aérea de Teresina (PI). - Imagem: Google
O prefeito Firmino Filho publicou decreto estabelecendo que haverá restrições para o funcionamento das atividades econômicas em Teresina durante todos os finais de semana do mês de julho. O objetivo é melhorar os índices de isolamento social, evitando a disseminação da Covid-19, um dos critérios para avançar na reabertura da economia da cidade. Assim, as medidas serão aplicadas nos dias 10, 11 e 12; nos dias 17,18 e 19; e nos dias 24, 25 e 26, todos de julho de 2020.

O descumprimento do decreto por qualquer estabelecimento, serviço e atividade que esteja em funcionamento ou que não esteja permitido funcionar resultará na aplicação de multas, intervenção total da atividade e cassação de alvará de localização e funcionamento.

“Ainda vamos precisar conviver com esse vírus por um bom tempo. E o nosso esforço para mantermos o isolamento social ainda é a melhor maneira de conseguir conter o avanço da doença na nossa cidade. Tivemos bons índices de isolamento social no último fim de semana, que chegou a 56,5%, mas precisando melhorar mais. Precisamos lembrar que a pandemia não acabou e não podemos banalizar a morte. Nada pode ser mais importante que a vida, daí a necessidade de medidas mais restritivas”, disse o prefeito.

De acordo com o Decreto 19.890, assinado nesta segunda-feira (06), estão autorizados a funcionar nos dias de sexta-feira as seguintes atividades e estabelecimentos: mercados, supermercados, hipermercados e congêneres; panificadoras e padarias; serviços bancários; casas lotéricas; atividades de distribuição e comercialização de combustíveis, biocombustíveis, gás liquefeito de petróleo e demais derivados do petróleo; farmácias e drogarias, serviços de saúde; serviços de segurança e vigilância; serviços de delivery exclusivamente para alimentação pronta; órgãos e profissionais de comunicação; situações comprovadas de urgências e emergências.

Já nos dias de sábado e domingo, as atividades seguem com limitação ainda maior de funcionamento. Nestes dois dias poderão funcionar apenas farmácias e drogarias; serviços de saúde; serviços de segurança e vigilância; serviços de delivery exclusivamente para alimentação pronta e situações comprovadas de urgências e emergências.

O Decreto determina ainda que os serviços públicos como energia elétrica, saneamento básico, funerários, segurança pública, telecomunicações e radiodifusão, além de estabelecimentos que funcionam operando fornos, em turnos ininterruptos de 24h, estão autorizados a funcionar neste período, respeitando as determinações sanitárias para a contenção no novo Coronavírus, inclusive, quanto aos atendimentos emergenciais.


Fonte: Prefeitura de Teresina
Edição: Eduardo Machado

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Casa Freitas anuncia loja em Parnaíba e já está recebendo currículo

A Casa Freitas se juntará a outros grandes empreendimentos que chegaram recentemente na cidade Imagem meramente ilustrativa. - O Povo. A Casa Freitas, uma loja de departamentos que oferece a mais completa variedade de produtos para os seus clientes anuncia sua instalação em Parnaíba. O município mesmo em meio a uma pandemia, segue mostrando sua força no norte do Piauí e numa região que abrande vários municípios do Maranhão e Ceará. Fundada em 1959, a empresa abrirá uma filial na cidade, contribuindo para mais geração de emprego e renda. Anuncio nas redes sociais oficiais da Casa Freitas. - Imagem: perfil oficial no Facebook. A empresa que conta com cerca de 20 lojas distribuídas em três estados nordestinos e um nortista oferece mais de 50 mil itens em utilidades para o lar, decoração e brinquedos. A proximidade aos consumidores, lojas amplas e climatizadas e a facilidade de pagamento são fatores que impactam na permanência da Casa Freitas como representante do segmento. A Casa Freitas

Noroeste anuncia sua 1ª loja na cidade de Parnaíba

A inauguração está prevista para o mês de abril Por Eduardo Machado, In Foco. 16h24. - Última atualização: às 16h49. Inauguração da Loja Noroeste, em Açailandia-MA. - Foto tirada em dezembro de 2020: Google. Reconhecida como referência no ramo da moda, o Grupo Noroeste anuncia sua 1ª loja na cidade de Parnaíba, litoral do Piauí. O município mesmo em meio a uma pandemia, segue mostrando sua força no norte do Piauí e numa região que abrange vários municípios do Maranhão e Ceará. Continua depois da publicidade. A história do Grupo Noroeste começou em 10 de outubro de 1994, data da inauguração da primeira Loja Noroeste na cidade de Teresina, capital do Piauí. Sempre atualizada, a Noroeste expandiu-se, e hoje a rede já conta com 25 lojas distribuídas no Piauí, Maranhão e Tocantins, duas fábricas têxteis e quase dois mil funcionários. O atendimento é de excelência e as lojas são padronizadas, modernas e confortáveis buscando assim valorizar a comodidade do consumidor, e a sua satisfação. Rec

Assaltante leva dinheiro de padaria em Parnaíba; veja vídeos

Homem ainda não identificado, levou dinheiro que estava no caixa da padaria na tarde deste sábado (16) Assaltante leva dinheiro de padaria em Parnaíba. - Foto: Reprodução WhatsApp. Um homem foi flagrado pelas câmeras de segurança da Padaria Pão da Vida ao assaltar o estabelecimento que fica situado próximo ao Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), na Rua Ricardo Rodrigues Coimbra, no bairro Dirceu Arcoverde, em Parnaíba, litoral do Piauí. O criminoso levou o dinheiro - valor subtraído não mencionado, e ameaçou a funcionária com uma suposta arma de fogo. O assalto aconteceu por volta das 14h deste sábado, 16 de janeiro. Nas imagens é possível ver o assaltante se passando por cliente e solicitando à funcionária um produto que estava na vitrine. A vítima atende a solicitação do homem e quando se dirige ao caixa, ela é abordada pelo indivíduo portando uma suposta arma de fogo, e logo em seguida solicita que ela entregue o dinheiro do caixa. Veja: . Vídeos: Reprodução/WhatsApp. Segundo