Pular para o conteúdo principal

Decisão judicial suspende atos políticos de candidato a prefeito de Buriti dos Lopes

Segundo denúncias, os candidatos a prefeito e vice-prefeito descumpriram medidas sanitárias, desobedecendo normas de contenção ao novo coronavírus
Júnior Percy, candidato a prefeito de Buriti dos Lopes. - Foto: Google.
A decisão judicial se deu a partir de uma ação do Ministério Público Eleitoral, com pedido de tutela de urgência, em desfavor de Raimundo Nonato Lima Percy Júnior, candidato a prefeito de Buriti dos Lopes e Jarbas Fortes dos Santos Filho, candidato a vice-prefeito diante de denúncias de que eles mesmos estavam descumprindo as medidas sanitárias impostas pelo Decreto nº 19.164/2020, que aprova o Protocolo Específico com Medidas de Prevenção e Controle da Disseminação da Covid-19 para as eleições municipais. O juiz José Carlos Amorim acatou o pedido do Ministério Público e determinou que os dois agentes abstenham-se de promover, incentivar, realizar ou participar de atos de propaganda eleitoral presencial, que desobedeçam as normas de contenção ao novo coronavírus.

No Piauí, as atividades desenvolvidas no processo eleitoral ou afins, como os registros de candidaturas, convenções partidárias, arrecadações de doações, campanhas e pesquisas eleitorais, entre outras, devem atender ao Protocolo Geral e ao Protocolo Específico para a área.

Chegou ao conhecimento do MPE que o candidato a prefeito de Buriti dos Lopes, Raimundo Júnior, inconformado com a decisão judicial, que determinou a impugnação de sua candidatura em razão de condenação em procedimento administrativo por acúmulo indevido de cargos públicos e tentando envidar esforços para convencer seu eleitorado, convidou seus apoiadores para um evento eleitoral – chamado de “arrastão”. Percy Júnior teve a sua candidatura indeferida pela Justiça Eleitoral, pois foi demitido do serviço público em decorrência de processo administrativo, ficando, assim, inelegível pelo prazo de oito anos contados da decisão, que ocorreu em 10/03/2014. Ficando assim, indeferida o registro de candidatura dele por se tratar de candidato inelegível. O candidato fez ainda uma transmissão de vídeo pela internet na qual é possível se visualizar que ele está sendo “carregado” por apoiadores, uma grande quantidade de pessoas, que não usavam máscaras e não atendiam ao distanciamento social.

O “arrastão” consistia na concentração de apoiadores na frente da residência do candidato para, depois sair percorrendo várias ruas da cidade, com intuito de promover sua candidatura, atos estes que implicam perigo concreto de aglomeração de pessoas, com potencial para descumprir as normas vigentes acerca da política de combate à pandemia da Covid-19 no Piauí. Para evitar que a população fosse exposta ao risco de disseminação do novo coronavírus com o evento, o Ministério Público ingressou com uma ação na Justiça, que resultou na decisão judicial determinando a Percy Júnior que se abstenha de promover, incentivar, realizar ou participar de atos de propaganda eleitoral presencial. Vale ressaltar que o candidato já realizou evento de campanha na noite do dia 23 de outubro, no qual se constatou inobservância às restrições sanitárias vigentes no Estado do Piauí.

A abstenção total para que Percy Júnior e Jarbas Filho não promovam passeatas, carreatas e comícios fica estabelecida até a homologação/aprovação de compromisso de cumprimento de protocolos de segurança sanitária, em tais eventos. A realização de comício, somente será permitida em ambiente de acesso limitado a 100 pessoas, inclusive com possibilidade de transmissão pelas redes sociais (comício no formato híbrido – presencial e virtual), adotando-se as medidas preconizadas no decreto estadual e nas demais normas de regência, federais, estaduais ou municipais, como uso de máscaras e distanciamento social, ficando os candidatos, partidos e coligações obrigados a comunicar o local, horário, data do ato e os veículos que serão utilizados com aparelhagem de som, em até 72 horas de antecedência, à Justiça Eleitoral e ao Comando da Polícia Militar, ao Batalhão da Polícia Militar e à Vigilância Sanitária, para a devida fiscalização.

Cabe mencionar que foi expedida uma Recomendação Administrativa nº 08/2020, no dia 11 de outubro de 2020, para que todos os candidatos e partidos políticos adotem as medidas sanitárias necessárias durante a realização dos atos de campanha e propaganda eleitoral (uso obrigatório de máscaras de proteção facial, distanciamento físico mínimo de 2 metros entre as pessoas, limpeza de ambientes, priorizar reuniões de campanha através de meio virtual para evitar aglomerações, etc.). Além disso, a Orientação Normativa PRE nº 04/2020, estabeleceu a garantia da liberdade para realização de atos de propaganda eleitoral limitada à integral observância às normas sanitárias com o objetivo de proteger a segurança do eleitor e de todos os participantes ou espectadores do processo eleitoral.
Com informações: Ministério Público do Estado do Piauí.
Edição: Eduardo Machado/In Foco.

Comentários

Postagens mais visitadas deste site.

Colisão entre carro e moto deixa uma pessoa morta na BR-343, em Parnaíba

Por conta do impacto, a vítima que estava na garupa da moto morreu no local No último sábado (28), por volta das 18h30, uma colisão entre um carro marca/modelo Renaut Sandero e uma motocicleta marca Honda, acabou resultando na morte de uma pessoa na BR-343, nas proximidades do Residencial Caminho da Alvorada. Fotos: Eduardo Machado. A vítima, que estava na garupa da moto, identificada como Lawana Oliveira do Nascimento, de 18 anos de idade, morreu no local, por conta do impacto. O condutor da moto, que não teve sua identidade revelada, foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e levado para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA). Lawana Oliveira do Nascimento (foi a óbito no local do acidente). - Foto: Rede social. Motociclista foi socorrido. - Foto: Reprodução WhatsApp. Segundo informações, o casal trafegava pela rodovia sentido Parnaíba-Luís Correia quando teria colidido na lateral do veículo que tentava fazer a conversão à esquerda. Uma mu

Suspeito de matar pastor em culto no Distrito Federal é preso em Parnaíba

Segundo a Polícia Civil, pastor Francisco Antônio dos Santos Marques, de 35 anos de idade, estava ajoelhado e orando quando foi baleado pelas costas Imagem meramente ilustrativa. - Google. Um homem identificado como Edilson dos Santos Gomes foi preso pela Polícia Civil do DF em Parnaíba, litoral do Piauí, suspeito de matar o pastor Francisco Antônio dos Santos Marques, de 35 anos de idade. O crime aconteceu no dia 4 de outubro em Águas Claras, no Distrito Federal. Edilson dos Santos Gomes (acusado) - Foto: Juciê Machado/TV Costa Norte. Segundo a Polícia Civil, o suspeito é natural de Parnaíba, e foi preso na manhã desta terça-feira (24/11) na casa onde estava morando, no bairro Pindorama. Ele será encaminhado para um presídio do Distrito Federal. O crime O caso aconteceu por volta das 10h, enquanto o religioso celebrava um culto. De acordo com a Polícia Civil, ele estava ajoelhado e orando quando foi atingido. O autor dos disparos entrou no templo e atirou contra ele, pelas costas. Uma

Homem é preso acusado de tráfico de drogas em Parnaíba

No momento da abordagem os policiais encontraram o acusado cortando e embalando substâncias análogas à maconha Durante policiamento ostensivo e após receberem informações contínuas de que estava acontecendo um intenso tráfico de drogas, policiais militares do 2º Batalhão de Polícia Militar (BPM) conseguiram prender nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (25), um jovem identificado como Gustavo Nascimento de Jesus, de 19 anos de idade. No local, os PMs foram recebidos pela companheira de 'Gustavim', Thais Galeno, permitindo a entrada dos policiais. Em um dos cômodos, os agentes encontraram o acusado cortando e embalando substâncias análogas à maconha. Foram apreendidas 47 porções prontas para venda e algumas gramas sendo cortadas. Fotos: Reprodução WhatsApp. Foi dado voz de prisão ao indivíduo e conduzido à Central de Flagrantes para os procedimentos cabíveis. Da Redação. Edição: Eduardo Machado.

Instrumentos sonoros apreendidos são entregues ao Juizado Especial de Parnaíba

Os instrumentos foram apreendidos durante operação policial, visando a tranquilidade da população parnaibana Durante os dias 20 e 21 de novembro, das 18h à 0h, policiais militares do 2º Batalhão de Polícia Militar em Parnaíba (Força Tática, ROCAM e PPTRAN) realizaram a Operação Impacto/Sossego. Durante a operação foram realizados 06 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO) por pertubação do sossego. Houve também a apreensão de 06 caixas de som. No último dia 27, os policiais do 2º BPM fizeram a entrega dos TCOs juntamente com os instrumentos sonoros (caixas de som, paredões, mesas acústicas e outros apetrechos) ao Juizado Especial de Parnaíba, que foram apreendidos durante a operação policial. Fotos: Reprodução WhatsApp. As ocorrências de som em volume alto ocupam quase sempre o topo das chamadas para o 190 nos fins de semana. A Operação Impacto/Sossego, também teve por objetivo buscar armas, drogas ou veículos com restrições, coibindo a prática de ações delituosas, visando assim a

Teto de galpão desaba e pessoas ficam feridas em Parnaíba

Ainda não se sabe o que teria provocado o desabamento O telhado do galpão de uma indústria de beneficiamento de caju desabou durante a tarde desta quarta-feira (25) em Parnaíba. Cerca de seis trabalhadores ficaram feridos durante a ocorrência registrada na região dos Tabuleiros Litorâneos. De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar em Parnaíba, quatro trabalhadores tiveram ferimentos leves, e dois sofreram lesões graves. Todos foram socorridos e encaminhas para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA).  Ainda não se sabe o que teria provocado o acidente. O local deve ser interditado. Da Redação. Edição: Eduardo Machado.