Pular para o conteúdo principal

Em Teresina, PF deflagra operação de combate ao tráfico internacional de drogas e lavagem de dinheiro

Operação Símios: PF investiga remessas de drogas em cargas para o exterior
Em Teresina, PF deflagra operação de combate ao tráfico internacional de drogas e lavagem de dinheiro. - Foto: Polícia Federal.
A Polícia Federal deflagrou hoje (09/11) a Operação Símios, que visa desarticular organização criminosa especializada no tráfico internacional de drogas para a Europa e em lavagem de dinheiro. A organização criminosa tem como especialidade o transporte e armazenamento de cocaína em grandes quantidades em território nacional, a fim de ocultá-la em cargas exportadas via portos brasileiros para a Europa em containers.

Matéria relacionada:

A ação de hoje desenvolve-se nas capitais de Pernambuco, Rio Grande do Norte, Piauí, São Paulo e Mato Grosso, bem como no interior de Pernambuco e Ceará (Torre/PE, Boa Viagem/PE, Piedade/PE, Jaboatão/PE, Bonito/PE, Petrolina/PE, São Paulo/SP, Sumaré/SP, Cuiabá/MT, Natal/RN, Parnamirim/RN, Juazeiro do Norte/CE, Barbalha/CE, Fortaleza/CE, Teresina/PI). Para isso, foram mobilizados 80 policiais federais com o objetivo de cumprir 4 mandados de prisão preventiva e 18 mandados de busca e apreensão. Em Pernambuco foram cumpridos 5 mandados de busca e apreensão.

A investigação teve início em 21/06/2019, quando a Receita Federal do Brasil – RFB, no Porto de Suape, na Região Metropolitana do Recife, apreendeu 808 kg de cocaína, camuflada em carga de bananas que seria exportada para Bélgica. A Polícia Federal, então, iniciou a investigação criminal, tendo apoio da RFB na troca de informações sobre os criminosos.

As investigações, até o momento, revelam que o grupo criminoso é formado por integrantes espalhados por estados do Nordeste, mas com atuação também no Norte do país. As lideranças da organização têm raízes no roubo e furto de cargas e, por isso, já foram alvos da Operação Piratas do Sertão, deflagrada pela Polícia Federal em 2010 nos estados de Rio Grande do Norte e Paraíba. Além disso, foram detectados laços criminosos desse grupo com lavadores de dinheiro na Região Sudeste e Centro-Oeste.

Ao todo, 15 pessoas já foram indiciadas pelos crimes dos Arts. 33, caput, e 36 da Lei nº 11.343/06 (tráfico e financiamento ao tráfico de drogas); art. 2º da Lei nº 12.850/13 (organização criminosa); e art. 1º da Lei nº 9.613/98 (lavagem de dinheiro). As penas podem variar de 3 a 20 anos de reclusão, mas, considerado o concurso de crimes, podem chegar ao limite máximo de 30 anos de cumprimento da pena.

A Operação Símios está sendo deflagrada em conjunto com a Operação Pojuca, conduzida pela Polícia Federal no Pará, haja vista a detecção de que o grupo também foi responsável por ações criminosas do mesmo tipo em porto daquele Estado.

Comentários

Postagens mais visitadas deste site.

Colisão entre carro e moto deixa uma pessoa morta na BR-343, em Parnaíba

Por conta do impacto, a vítima que estava na garupa da moto morreu no local No último sábado (28), por volta das 18h30, uma colisão entre um carro marca/modelo Renaut Sandero e uma motocicleta marca Honda, acabou resultando na morte de uma pessoa na BR-343, nas proximidades do Residencial Caminho da Alvorada. Fotos: Eduardo Machado. A vítima, que estava na garupa da moto, identificada como Lawana Oliveira do Nascimento, de 19 anos de idade, morreu no local, por conta do impacto. O condutor da moto, que não teve sua identidade revelada, foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e levado para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA). Lawana Oliveira do Nascimento (foi a óbito no local do acidente). - Foto: Rede social. Motociclista foi socorrido. - Foto: Reprodução WhatsApp. Segundo informações, o casal trafegava pela rodovia sentido Parnaíba-Luís Correia quando teria colidido na lateral do veículo que tentava fazer a conversão à esquerda. Uma mu

Suspeito de matar pastor em culto no Distrito Federal é preso em Parnaíba

Segundo a Polícia Civil, pastor Francisco Antônio dos Santos Marques, de 35 anos de idade, estava ajoelhado e orando quando foi baleado pelas costas Imagem meramente ilustrativa. - Google. Um homem identificado como Edilson dos Santos Gomes foi preso pela Polícia Civil do DF em Parnaíba, litoral do Piauí, suspeito de matar o pastor Francisco Antônio dos Santos Marques, de 35 anos de idade. O crime aconteceu no dia 4 de outubro em Águas Claras, no Distrito Federal. Edilson dos Santos Gomes (acusado) - Foto: Juciê Machado/TV Costa Norte. Segundo a Polícia Civil, o suspeito é natural de Parnaíba, e foi preso na manhã desta terça-feira (24/11) na casa onde estava morando, no bairro Pindorama. Ele será encaminhado para um presídio do Distrito Federal. O crime O caso aconteceu por volta das 10h, enquanto o religioso celebrava um culto. De acordo com a Polícia Civil, ele estava ajoelhado e orando quando foi atingido. O autor dos disparos entrou no templo e atirou contra ele, pelas costas. Uma

Homem é preso acusado de tráfico de drogas em Parnaíba

No momento da abordagem os policiais encontraram o acusado cortando e embalando substâncias análogas à maconha Durante policiamento ostensivo e após receberem informações contínuas de que estava acontecendo um intenso tráfico de drogas, policiais militares do 2º Batalhão de Polícia Militar (BPM) conseguiram prender nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (25), um jovem identificado como Gustavo Nascimento de Jesus, de 19 anos de idade. No local, os PMs foram recebidos pela companheira de 'Gustavim', Thais Galeno, permitindo a entrada dos policiais. Em um dos cômodos, os agentes encontraram o acusado cortando e embalando substâncias análogas à maconha. Foram apreendidas 47 porções prontas para venda e algumas gramas sendo cortadas. Fotos: Reprodução WhatsApp. Foi dado voz de prisão ao indivíduo e conduzido à Central de Flagrantes para os procedimentos cabíveis. Da Redação. Edição: Eduardo Machado.

Instrumentos sonoros apreendidos são entregues ao Juizado Especial de Parnaíba

Os instrumentos foram apreendidos durante operação policial, visando a tranquilidade da população parnaibana Durante os dias 20 e 21 de novembro, das 18h à 0h, policiais militares do 2º Batalhão de Polícia Militar em Parnaíba (Força Tática, ROCAM e PPTRAN) realizaram a Operação Impacto/Sossego. Durante a operação foram realizados 06 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO) por pertubação do sossego. Houve também a apreensão de 06 caixas de som. No último dia 27, os policiais do 2º BPM fizeram a entrega dos TCOs juntamente com os instrumentos sonoros (caixas de som, paredões, mesas acústicas e outros apetrechos) ao Juizado Especial de Parnaíba, que foram apreendidos durante a operação policial. Fotos: Reprodução WhatsApp. As ocorrências de som em volume alto ocupam quase sempre o topo das chamadas para o 190 nos fins de semana. A Operação Impacto/Sossego, também teve por objetivo buscar armas, drogas ou veículos com restrições, coibindo a prática de ações delituosas, visando assim a

Teto de galpão desaba e pessoas ficam feridas em Parnaíba

Ainda não se sabe o que teria provocado o desabamento O telhado do galpão de uma indústria de beneficiamento de caju desabou durante a tarde desta quarta-feira (25) em Parnaíba. Cerca de seis trabalhadores ficaram feridos durante a ocorrência registrada na região dos Tabuleiros Litorâneos. De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar em Parnaíba, quatro trabalhadores tiveram ferimentos leves, e dois sofreram lesões graves. Todos foram socorridos e encaminhas para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA).  Ainda não se sabe o que teria provocado o acidente. O local deve ser interditado. Da Redação. Edição: Eduardo Machado.