UFDPar é a primeira universidade a criar cota regional no Piauí para ingresso pelo SiSu

A resolução foi assinada pelo reitor Alexandro Marinho em 1º de novembro

EDUARDO MACHADO
PARNAÍBA-PIAUÍ
18h48.

A partir de 2023, estudantes de escolas localizadas na região do entorno da sede da Universidade Federal do Delta do Parnaíba - UFDPar poderão fazer opção por concorrer às vagas do bônus regional – acréscimo de 20% na nota do Enem para ingresso na instituição por meio do Sistema de Seleção Unificado - SiSU. A resolução foi assinada pelo reitor Alexandro Marinho em 1º de novembro.
Universidade Federal do Delta do Parnaíba.
Foto: Arquivo /infocopiaui.com.
A medida visa implementar a inclusão regional aos cursos de graduação da UFDPar para candidatos que cursaram o último ano do ensino fundamental e todo o ensino médio em instituições de ensino no entorno da área de abrangência da universidade, que considerará aproximadamente 78 municípios identificados de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE, nas regiões dos Lençóis Maranhenses, Serra da Ibiapaba no Ceará, além do Território da Planície Litorânea no Piauí.

Entusiasta da adoção do processo de regionalização do ingresso na UFDPar, o Reitor Alexandro Marinho afirma que a ideia não é nova e vem sendo tratada já há alguns anos. Ele comemorou a aprovação pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - Consepe e considera um importante avanço. “… desde 2016 que lutamos para que estudantes da região pudessem ter mais acesso às vagas dos cursos existentes na UFDPar, … existe um município próximo, por exemplo, que apenas um aluno conseguiu ingressar na nossa universidade nos últimos oito anos. Precisamos fazer com que a universidade tenha alunos que fomentem o desenvolvimento em toda região.”
Reitor Alexandro Marinho.
Foto: Divulgação/UFDPar.
O Vice-Reitor, Natanael Fontenele, também defendeu o processo de inclusão regional. “Desejamos que o ingresso a universidade seja realizado de forma cada vez mais democrática, e que possamos efetivamente promover uma transformação da nossa região, por meio da educação superior de qualidade."

A Pró-Reitora de Ensino de Graduação, Algeless Milka Meireles, explica que a nova opção também contribuirá para preenchimento de vagas não ocupadas. “O processo de ingresso regionalizado favorece a participação de estudantes das regiões em torno da universidade, com essa iniciativa, vamos tentar melhorar o índice de ocupação das vagas nos cursos da UFDPar”, comentou.

A universidade tem trabalhado para preencher todas as vagas ociosas. Recentemente publicou um processo seletivo complementar disponibilizando 90 vagas, utilizando somente as notas da edição do Enem 2021, oportunizando o ingresso de novos estudantes. Atualmente são ofertados gratuitamente 12 cursos de graduação, são eles: Administração, Biomedicina, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Engenharia de Pesca, Fisioterapia, Matemática, Medicina, Pedagogia, Psicologia e Turismo.

A lista completa de municípios previstos na Resolução de criação da Cota Regional está disponível aqui!.

Comentários