Morre o vereador Irmão Lázaro, por complicações da covid-19

Vereador estava na UTI de um hospital particular de Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Salvador, desde 25 de fevereiro


Por Eduardo Machado, In Foco. / Colaboração: G1 BA.
08h46. - Última atualização: às 09h06.
Irmão Lázaro — Foto: Reprodução/Redes sociais
Morreu, na noite desta sexta-feira (19), o vereador Irmão Lázaro (PL), vítima de complicações da covid-19. Ele estava internado havia quase um mês na UTI de um hospital de Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Salvador. A informação foi confirmada pela assessoria do vereador.

O último boletim médico divulgado na noite desta sexta-feira indicava que o quadro do vereador era muito delicado.
Continua depois da publicidade.
No dia em que foi internado, em fevereiro, Irmão Lázaro seria transferido para outra unidade particular, só que em Salvador, mas teve agravamento do quadro de saúde e os médicos, por precaução, preferiram suspender a transferência. No dia 27 de fevereiro ele chegou a melhorar o nível de oxigenação.

De acordo com familiares, Irmão Lázaro tinha sido diagnosticado com a covid-19 no dia 15 de fevereiro e desde então fazia o tratamento em casa. No entanto, no dia 22 de fevereiro, ele sentiu desconforto, febre e procurou o médico. Ao chegar no hospital, foi comprovado que ele estava com metade dos pulmões comprometidos e ele ficou internado em um leito clínico. Três dias depois, ele precisou ser transferido para UTI.

Irmão Lázaro também era cantor gospel e ex-Olodum.

Comentários